quinta-feira, 2 de julho de 2009

sem titulo; sem nexo; sem motivo; sem explicações.


Eu já havia imaginado. mas cheguei a conclusão de que nada vale mesmo a pena. porque perder seu tempo tentando ajudar uma pessoa que não quer e não aceita a sua ajuda? porque continuar a insistir em abrir os olhos de quem não tem maturidade para deixar de ser cego? e é por isso que muitas vezes nos arrependemos de certas coisas. e um dia irei me arrepender de escrever isto aqui. mas no momento me parece a forma mais sensata de demonstrar tudo o que sinto. e eu agradeço imensamente a Deus por não ter que sair à rua por um bom tempo. assim poderei me afundar de vez, sem que ninguém note. talvez eu morra, talvez não. nunca irei saber antes de acordar no dia seguinte. mas no momento tem sido meu desejo mais profundo. porque será que nossos maiores desejos são os mais difíceis de realizarmos? falta de capacidade ou falta de vontade de verdade? impossível dizer. não sei nem como estou viva. só sei que nesse mundo ninguém nunca está completamente certo. e está cada vez mais difícil conviver com o ser humano. parece-me que ao invés de ficar mais astuto ele tem ficado cada vez mas irracional e egoísta. mas o que tem em ser egoísta? nada demais não é mesmo? a não ser pelo fato de que é o egoísmo que está acabando com nosso mundo aos poucos[..]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada pela sua visita!
Eu adoraria receber um comentário seu!
Volte sempre ;)
Beijos, Bruna